segunda-feira, maio 31, 2010


A vida prega-nos imensas partidas. Mas, por vezes, são partidas que nós não estamos à espera, nem sabemos muito bem como lidar com elas.
Porque é que é tão difícil nos apaixonarmos pela pessoa certa? Porque é que o fruto proibido é sempre o mais apetecido?

Apetece-me estar contigo, apetece-me sentir os teus braços à volta do meu corpo, ter a minha mão entrelaçada na tua. Apetece-me pegar em ti e cometer uma loucura, dizer-te ao ouvido que me deixas completamente sem ar, que o teu olhar me arrepia, mas que a sensação é óptima!
Apetece-me adormecer ao teu lado, dizer-te boa noite e de manhã acordar-te com imensos beijos. 

Porque é que me estás a fazer sentir isto tudo? Porque é que trouxeste ao de cima tantas emoções e sensações que eu já nem me lembrava que existiam.

Será que ainda não percebeste o meu lado? A mim parece-me que sim. Por isso é que te afastas, estás distante, fria. Eu sei qual é o meu lugar no meio disto tudo. Nunca serei importante. Mas gostava tanto que houvesse uma possibilidade para tentarmos. Please, just kiss me, and you will see!

Quero-te! Quero-te sentir! Quero-te antes, agora e vou-te sempre querer mais. Sabes porque? Porque sonho contigo todos os dias, porque invades a minha cabeça nas mais pequenas situações. E isso não me faz bem, pois cada vez te quero mais.

Será que pensas em mim? Nem que seja por um minuto? Será que já pensaste como seria estar comigo? É tão difícil saber o que pensas, o que sentes, o que queres! When I first saw you, I knew that I want to be with you. It is just really to bad you don't think the same as me! 

Try me baby!


domingo, maio 30, 2010


And you?

terça-feira, maio 25, 2010

Every night

Oh my god, i'm feeling CRAZY!

segunda-feira, maio 24, 2010

Desilusão

sábado, maio 22, 2010

Which way?


Porque é que por vezes situações tão simples, nós temos sempre tendência a torná-las complexas e difíceis?!

Just you


You're beautiful and special! 

sexta-feira, maio 21, 2010

Read me


Quero sentir os teus braços à minha volta,
quero sentir o teu cheiro enquanto dormes ao meu lado,
quero dormir abraçada a ti e
dizer-te coisas ao ouvido que só tu as podes ouvir e perceber.
Costuma-se dizer que um beijo te pode fazer perder o equilíbrio e a força,
eu quero sentir isso, 
quero perder os sentidos enquanto os nossos lábios se unem num só, 
fazendo-nos esquecer o mundo.
Será que não percebes o meu olhar? 
Não lês o meu pensamento?
Ao teu lado sou tão transparente.
Quero olhar-te nos olhos e, 
sem dizer nada, 
quero que percebas o que sinto,
o que quero...

Quero um beijo teu.
Quero tocar-te.
Quero um abraço.
Quero-te a TI!


quarta-feira, maio 19, 2010

Os Gémeos

Hoje tive o prazer de ver uma exposição como já não via à muito tempo. 
Todos os quadros, paredes, portas, colunas, rádios, têm o seu "quê" de espectacular.
Quando visto de longe, conseguimos ver um todo e tentamos imaginar a história por detrás daquela pintura, vista ao pormenor, essa pintura tem mais detalhes do que aqueles que estamos à espera.
A variedade de cores, de desenhos, de padrões, de mensagens subliminares são enormes. Claro que a cor predominante será sempre o amarelo :)


Esta exposição estará no Museu Colecção Berardo (CCB) até ao dia 19 de Setembro.


"Gustavo e Otávio Pandolfo começaram a pintar nas ruas de São Paulo aos 12 anos, quando nenhum deles tinha dinheiro para comprar latas de spray. "Na época você roubava a tinta ou então pedia numa loja de pintura de carro", conta um dos graffiters brasileiros. Só através de pormenores conseguimos distinguir os gémeos de 35 anos. Gustavo tem uma minúscula rasta no cabelo e Otávio usa aliança (é casado com Nina, uma conceituada graffiter brasileira). De resto, tudo é igual: o mesmos estilo de óculos, as mesmas cores preferidas (amarelo é uma delas) e as mesmas obras.
Aos dez anos, os gémeos do bairro paulista de Cambuci confundiram o júri de um concurso de pintura na escola. Apesar de terem desenhado em folhas diferentes, o resultado foi exactamente o mesmo e o prémio teve de ser duplicado. "É assim desde a barriga da nossa mãe. Partilhamos tudo."

As três telas que a dupla Os Gémeos (ou OSGEMEOS, como também assinam) pintou de propósito para a exposição no Museu Colecção Berardo foram feitas a meias. Os quadros de bonecos amarelos de pernas esqueléticas e roupas coloridas, desenhos que os brasileiros aperfeiçoam desde 1995, chegam a valer 16 mil euros. Ou 33 mil euros se forem feitos num prédio de muitos andares. "Isso demora uns cinco ou seis dias. Temos uma grande equipa a ajudar-nos."
Longe vão os tempos em que os dois irmãos trabalhavam numa "lanchonete" e espalhavam os seus bonecos pelas paredes de São Paulo. Desde 2003 que a agenda dos gémeos está preenchida com exposições em galerias de todos os cantos do mundo: Japão, Grécia, Itália, Cuba, Estados Unidos... "A próxima paragem será San Diego", diz Otávio.
Em Lisboa, onde têm a sua maior exposição na Europa, vão ficar até ao fim do mês. "Ainda não sabemos se vamos pintar na rua", diz um deles. "Se a gente sentir vontade de fazer graffiti, vai lá fora e faz", diz o outro. Sim, porque, como gostam de sublinhar, o trabalho que apresentam no Museu Berardo não é graffiti. "Isso é na rua, nos comboios... É sentir o clima da rua no anonimato, fazer e se esconder. Aqui é um outro suporte."

No currículo, Os Gémeos têm várias proezas. Em 2008, pintaram a fachada da Tate Modern, em Londres, um ano depois de fazerem o mesmo ao castelo escocês de Kelburn. No Brasil, não se ficaram só pelo graffiti. Fizeram a parte gráfica de um documentário de futebol e uma animação para a série do realizador Fernando Meirelles, "A Cidade dos Homens"."

JORNAL "i"

"A tempestade que chega é da cor dos seus olhos castanhos"

Workshop Hip Hop

Mais outro grande workshop na Jazzy.
Desta vez serão 2 dias de workshop intensivo, dados pelo Vasco Alves (Jukebox Project).
No primeiro dia será Locking e New Style e no segundo dia Popping e Hip Hop History.
Todas as informações necessárias estão nesta imagem.

Um dia de workshop 35€, dois dias 45€. Se forem alunos da Jazzy têm 10% de desconto ou se forem um grupo de 5 pessoas têm um desconto de 15% de desconto

A Jazzy fica na Rua da Cintura do Porto a Santos, Armazém J (Academia Life Club), perto dos Meninos do Rio.

Quem estiver interessado em se inscrever tem 2 formas:
 - Enviando um e-mail para info.jazzy@gmail.com
 - Ligando para o 912944755 (Extreme) ou 966757551 (Moche)

Mais um workshop a não perder!

BouncE Street Dance Company

Bounce, uma entusiástica companhia de dança sueca reconhecida mundialmente pela força e criatividade das suas performances teatrais. 
Recria "Voando Sobre um Ninho de Cucos" num ambiente hip-hop e street dance inigualáveis. 
Com cenários criativos, que incluem estruturas de bungee-jumping.
"Insane in the Brain" é um espectáculo marcado pela dinâmica da street dance e com hits de Missy Elliot, Dizzie Rascal, Kronos Quartet, Gotan Project, David Holmes e Cypress Hill como banda sonora. 
Baseado no livro de Ken Kesey (1962) e na adaptação para teatro de Dale Wasserman (1963), "Bounce - Insane in the Brain" narra a forma como, num hospital psiquiátrico, o breakdance é adoptado pelos "doentes" como forma de rebelião contra as regras da instituição defendidas pela calculista, fria e sádica enfermeira Ratched que, ainda por cima, é fã de ballet clássico... 
Uma nova abordagem para uma história, imortalizada no cinema por Jack Nicholson e Milos Forman (realizador), sobre loucura e poder mas sobretudo sobre o poder da loucura. 

Pode-se ver este espectáculo no Casino de Lisboa, no Auditório dos Ocenaos, de Terça a Sábado às 22:00h e Domingo às 17:00h, até ao dia 30 de Maio.

segunda-feira, maio 17, 2010

Pai


Obrigada.
Obrigada por suportares todas as minhas birras, más disposições e choros.
Obrigada por te rires comigo, por todas as palhaçadas juntos, por todos os momentos felizes.
Obrigada por me beijares a testa sempre que vais para a cama, achando que eu não sinto nada porque já devo estar a dormir à muito tempo.
Desculpa por não dizer tantas vezes o quanto te adoro, o quanto me orgulho de ti.
Desculpa por não dizer mais vezes que te acho uma pessoa única, espectacular, fantástica.
Quando escrevemos o que sentimos é sempre tudo muito mais fácil. Por vezes, as palavras ficam presas na minha garganta e não querem sair.
Vou tentar dizer mais vezes que és o melhor pai do mundo!

Parabéns Pai! 

domingo, maio 16, 2010

Please say yes!

See I've been watching you for a while your smile and stuff
and I don't know if I can be with you for tonight alright,
is that alright baby.

There is only one for me
You have made that a possibility
We could take that step to see, ohh
If this is really gonna be
All you gotta do is say yes

All you gotta do is say yes
Don't deny what you feel let me undress you baby
Open up your mind and just rest
I'm about to let you know you make me so

All you gotta do is say yes
Don't deny what you feel let me undress you baby
Open up your mind and just rest
I'm about to let you know you make me so, so, so,
so, so, so, so, so,
You make me so, so, so, so, so, so, so, so

Loving you has taken time, taken time
But I always knew you could be mine
I recognize the butterflies inside me
Sex is gonna be made tonight, tonight
All you gotta do is say yes



Floetry - Say Yes 

sábado, maio 15, 2010

In my mind

Não posso dizer que me falte alguma coisa. Mas por vezes, o alguma coisa não chega.
Nós, seres humanos, somos bastante consumistas e materialistas e queremos sempre mais, mais e mais.

Hoje quero mais. Mas quero mais de alguma coisa que não é material, palpável, visível.
Hoje quero mais de algo que não está à distância de um click do rato ou do som de uma moeda a bater na caixa registadora.
Hoje quero algo que ninguém me pode dar. Pois, ninguém vai perceber o que me falta!

Quando penso...
Sinto a cabeça às voltas.
O meu coração quase que vai saltar do peito.
Sinto borboletas no estômago.
Quase que fico com água na boca.

Será assim uma ideia tão absurda, tão distante da realidade, tão fora do normal, que me faça ficar a assim? 
Desejo tanto o indesejável. 
Quero tanto o (quase) impossível. 

O meu radar não está a funcionar muito bem. 
Quando passei pelo que me falta, a luz vermelha não se acendeu.
Porquê? 



quinta-feira, maio 13, 2010

Immortal Beloved

"Good morning, on July 7

Though still in bed, my thoughts go out to you, my Immortal Beloved, now and then joyfully, then sadly, waiting to learn whether or not fate will hear us - I can live only wholly with you or not at all - Yes, I am resolved to wander so long away from you until I can fly to your arms and say that I am really at home with you, and can send my soul enwrapped in you into the land of spirits - Yes, unhappily it must be so - You will be the more contained since you know my fidelity to you. No one else can ever possess my heart - never - never - Oh God, why must one be parted from one whom one so loves. And yet my life in V is now a wretched life - Your love makes me at once the happiest and the unhappiest of men - At my age I need a steady, quiet life - can that be so in our connection? My angel, I have just been told that the mailcoach goes every day - therefore I must close at once so that you may receive the letter at once - Be calm, only by a calm consideration of our existence can we achieve our purpose to live together - Be calm - love me - today - yesterday - what tearful longings for you - you - you - my life - my all - farewell. Oh continue to love me - never misjudge the most faithful heart of your beloved.
ever thine
ever mine
ever ours"
- Ludwig van Beethoven -

Será que alguma vez vou ter um homem que me escreva uma carta tão bonita, apaixonada e sincera como esta?

quarta-feira, maio 12, 2010

Another day


Hoje estou naqueles dias que me apetece tudo, mas não me apetece nada.
Em que só digo coisas estúpidas e parece que estou sempre de mau humor.
Como se costuma dizer "acordei com os pés de fora". Na minha opinião são as insónias que me matam!
Como me irritam estes dias.

terça-feira, maio 11, 2010

Workshop de Ragga Boost


Residente na Bélgica, Claudia trabalha como professora de Ragga e Hip Hop no Estúdio de Dança http://www.studio-vibes.com/danceschool.html.
Bailarina da Companhia “4Style”.

Possui formação em Jazz, Modern Jazz, Ginástica Rítmica e Acrobática, Funk, New Style, Jazz Rock e House Dance.
Formada em Ragga por Marta Fresno e em Hip Hop por Jean Nunes, Mike Alvarez e Oppie Adirono. Frequentou Workshops de nomes sonantes como Chandler, Malika, Superdave, Gigi Torres, Lyle Beniga.

Dia do Evento - 15 de Maio

Horário - 15.30h às 17h

Preço - 10€ para alunos Jazzy; 12€ para público em geral

Tive hoje a informação que o workshop tem um número limitado, pois não foi possível arranjar um estúdio de dança suficientemente grande para agrupar muitas pessoas. Principalmente pessoas que precisam de espaço para dançar!
Quem estiver interessado em se increver pode sempre enviar um e-mail para geral@jazzy.pt ou contactar o 96 675 75 51 (Moche) ou o 91 294 47 55 (Extreme).
A Jazzy fica na Academia Life Club na Rua da Cintura do Porto a Santos, Armazém J (Santos) e é onde se irá realizar este workshop.

Eu obviamente vou lá estar :)

Hambúrgueres de grão-de-bico

Hambúrgueres de grão-de-bico
1 lata de 400g de grão-de-bico, escorrido e lavado
1 cebola pequena, cortada aos pedaços
50g de cenoura ralada
2 colheres de sopa de sementes variadas
1 colher de sopa de azeite
1/2 colher de chá de cominhos em pó
molho de soja q.b

Esmague todos os ingredientes até formar uma pasta.
Molde quatro hambúrgueres.
Aqueça o azeite numa frigideira e cozinhe em lume médio até ficarem ligeiramente dourados de ambos os lados.
- The Food Doctor -

Experimentei esta receita hoje pela primeira vez. É óptima para quem é vegetariano.
Os cominhos dão-lhes um sabor muito agradável e os hambúrgueres são bastante fofos e macios.
Claro que eu tenho sempre de dar o meu toque pessoal :) Então coloquei juntamente com a mistura dos ingredentes um pouco de cogumelos. 
Aconselha-se! 
 

..

Um dia és a causa de um novo tipo de 
música!

Hoje é o dia? :)

- Frases Nicola -

segunda-feira, maio 10, 2010

Luta Diária

Coragem? Confiança? Falta-me tudo isso. Por isso fico aqui, sentada, à espera que ganhe forças para não cair em tentação mais um dia.
Sempre acreditei que para tudo existe uma luz ao fundo do túnel. Mas em relação a isto, estou a ter dificuldade, vejo-a cada vez mais longe. 
Estou a tentar agarrar toda a coragem que consigo encontrar dentro de mim, à procura de uma confiança que acho que não tenho, mas que toda a gente diz que sim. 
Não me quero desiludir a mim própria, nem aos meus pais. Independentemente de ser um objectivo meu, de ser uma coisa que só a mim me afecta directamente, eu sei que também afecta os meus pais.
Por momentos consigo acreditar que tudo é fácil e que o tempo vai passar rápido. A sensação é boa, mesmo que seja ainda por uns momentos.

Fumar!
Estou a deixar de fumar. Quem diz que é fácil, é mentira. 
Para quem fuma há alguns anos como eu fumava, deixar de fumar é uma coisa muito difícil. Como eu disse antes, temos de nos agarrar a toda a coragem e confiança que temos em nós. Este percurso é lento, demorado e custa, custa muito.
Já não me faz confusão beber um café e fumar um cigarro. Estar no café com os meus amigos, que grande maioria são fumadores, e fumar como eles fumam. Falta-me ultrapassar beber álcool e não me apetecer fumar um cigarro. Não passo a noite inteira a fumar, mas gosto de fumar pelo menos um cigarro durante a noite. 
Tem imensas coisas que nos fazem pensar duas vezes em desistir, como a ansiedade, o stress, o aumento de peso, a "água na boca" que o cigarro nos dá. Mas por outro lado traz imenso benefícios, como o sabor que a comida volta a ter, a roupa não cheira a tabaco, a pele e o cabelo ganham outra cor e outro brilho. 
Deixar de fumar só nos traz vantagens, principalmente para o bolso :)
Tem sido difícil para mim, mas eu sei que vou conseguir! Basta eu querer!

BENFICA!!!!!!!!

Sou do Benfica
E isso me envaidece
Tenho a genica
Que a qualquer engrandece
Sou de um clube lutador
Que na luta com fervor
Nunca encontrou rival
Neste nosso Portugal.

Ser Benfiquista
É ter na alma a chama imensa
Que nos conquista
E leva à palma a luz intensa
Do sol que lá no céu
Risonho vem beijar
Com orgulho muito seu
As camisolas berrantes
Que nos campos a vibrar
São papoilas saltitantes.



Ainda dúvidam que a vitória do Benfica junta mais gente que a vinda do Papa a Portugal?
A mim parece-me que o Jesus vence :)
SUPER CAMPEÕES! PARA SEMPRE BENFICA!

sábado, maio 08, 2010

Alexandre Farto aka Vhils

Alexandre Farto aka Vhils (como é conhecido na cultura do graffiti), iniciou-se em 1998, com apenas treze anos a pintar nas ruas e comboios da margem sul do rio Tejo.
Este artista de Lisboa, a partir das suas raízes do graffiti/street art tem vindo a explorar novos caminhos dentro da ilustração, animação e design gráfico, misturando o estilo vectorial com o desenho à mão livre, aliado a formas contrastadas e sujas, que nos remetem para momentos épicos.

Hoje enquanto navegava pela internet, descobri no Fubiz uma referência ao Alexandre Farto.
Como se pode ver pelas fotografias que eu postei, este rapaz tem uma forma muito característica para expressar o seu trabalho e para dar a conhcer ao mundo mais um pouco do que é a street art.
É da opinião de muita gente que o graffiti só serve para sujar, que não é uma arte. Criticas, criticas e mais criticas. Quando eu olho para o trabalho do Vhils eu vejo arte, vejo expressão, vejo esforço, empenho e trabalho. Gosto do que vejo!
Não concordo quando sujam a rua sem razão alguma, só para deixarem a sua marca através de um gatafunho, que de bonito não tem nada. Mas depois, se estiveres dentro do meio ou se tiveres curiosidade sobre este tema e te tentas informar, encontras imensos artistas de street art portugueses fantásticos. E posso dizer que são Artistas com "A" grande!
Deixo aqui o site do Alexandre Farto aka Vhils para se deliciarem com os seus trabalhos: Vhils
Espero que gostem ;)

sexta-feira, maio 07, 2010

Mais uns :)

As pessoas normalmente têm ressacas depois de uma noite. Eu tenho "ressaca" quando fico muito tempo sem comprar ténnis.
É normal uma colecção de relógios, malas ou até mesmo selos, agora colecção de ténnis? Parece completamente absurdo mas é das poucas coisas que me dá um prazer enorme gastar dinheiro. É a única altura que eu tenho paciência para andar a correr de loja em loja. Calça, descalça, calça, descalça!
Hoje, para juntar à minha "pequena" colecção, comprei estes :)


Quem é que consegue resistir?! Eu não consegui ;)

quinta-feira, maio 06, 2010

Um pouco de mim...







 
 





Costuma-se dizer que uma imagem vale mais do que mil palavras. Pois bem, estas imagens mostram um pouco de mim. Um pouco das minhas loucuras, das minhas obsessões, do que me deixa feliz ou com água na boca!